close
    search Buscar

    Facebook, Twitter, Linkedin: os perfis nas redes sociais s√£o reais?

    Quem sou
    Robert Maurer
    @robertmaurer
    FONTES CONSULTADAS:

    wikipedia.org

    Coment√°rios sobre o item:

    aviso de conte√ļdo

    Tem-se falado muito (e certamente continuar√° falando) sobre redes sociais e perfis individuais contido neste √ļltimo. Atualmente s√£o cerca de 700 milh√Ķes de pessoas em todo o mundo que j√° cadastraram seus perfis em redes como: Facebook, Twitter, MySpace. S√≥ nos Estados Unidos, 75% das pessoas entre 18 e 24 anos possuem perfil pessoal em uma ou mais dessas redes sociais. S√≥ nos √ļltimos quatro anos, o n√ļmero de adultos que usam as redes sociais quadruplicou. Mas ... estes perfis que encontramos online mostram-nos quem est√° por tr√°s deles ou oferecem-nos uma imagem idealizada e, portanto, falsa, da sua personalidade? Para responder a essa pergunta, um grupo de psic√≥logos recrutou 236 estudantes alem√£es que usavam as redes sociais diariamente. Eles tiveram que fazer um teste de personalidade com o objetivo de avaliar os Cinco Principais Tra√ßos Personalol√≥gicos (extrovers√£o, neurose, abertura para novas experi√™ncias, consci√™ncia ou senso de responsabilidade e amabilidade). Em seguida, foram avaliadas suas personalidades ideais, ou seja, como esses jovens gostariam de ser. Posteriormente, outro grupo de observadores foi solicitado a examinar os perfis dessas pessoas na rede e a avaliar as caracter√≠sticas de personalidade que esses perfis projetavam. Ap√≥s analisar todos os resultados, os pesquisadores conclu√≠ram que as pessoas tendem a se mostrar at√© nas redes sociais exatamente como s√£o na realidade, sem tentar "enfeitar" suas caracter√≠sticas personol√≥gicas. Este estudo, segundo algumas afirma√ß√Ķes, iria apagar o mito de que a rede est√° repleta de perfis que mostram personalidades recriadas ou, pior ainda, totalmente idealizadas ou falsas. No entanto, pessoalmente acredito que esses dados devem ser objeto de uma an√°lise mais aprofundada, e n√£o para tirar conclus√Ķes precipitadas e generalizadas. √Č muito mais √ļtil, na minha opini√£o, deixar as conclus√Ķes em aberto, e talvez dar uma olhada em um estudo realizado pela Universidade de Cornell, cujo objetivo era avaliar se todas as fotos enviadas online para os v√°rios sites de namoro realmente corresponder √† pessoa por tr√°s dele. Hancock e Toma, os dois investigadores principais, especulam que dois fatores precisam ser avaliados: o desejo de ser atraente e a necessidade de ser aut√™ntico. Portanto, √© um pouco arriscado pensar que as pessoas postariam fotos diferentes das suas, mas ... talvez elas pudessem mentir um pouco na qualidade das pr√≥prias imagens. Desta forma, foi analisada uma amostra de 54 pessoas que inseriram sua foto em alguns perfis online. A primeira descoberta foi que havia uma diferen√ßa entre a precis√£o na autopercep√ß√£o e a percep√ß√£o dos outros. Os entrevistados consideraram suas fotos bem selecionadas e refletem a realidade (uma m√©dia de 4,46 pontos em uma escala de 5), entretanto, as coisas mudaram quando eles tiveram que avaliar a correspond√™ncia entre a realidade e as fotos de perfil de outras pessoas. Normalmente, eles julgavam que as fotos correspondiam pouco ou nada √† verdadeira apar√™ncia da pessoa. Dessa forma, as pessoas mostraram uma tend√™ncia inconsciente de realizar algum tipo de marketing pessoal. Mas ... quais foram as diferen√ßas substanciais que foram observadas nas fotos? - Em rela√ß√£o √†s caracter√≠sticas f√≠sicas (idade, peso, altura, cor do cabelo ...) - Relacionado ao retoque fotogr√°fico. Aqui pudemos observar duas estrat√©gias fundamentais: as pessoas recorreram a um fot√≥grafo profissional que manipulava as fotos para destacar o melhor lado da pessoa ou simplesmente recorreram ao photoshop, retocando suas imagens de forma independente. Este estudo descobriu que a grande maioria dos perfis postados em sites de namoro online mostra pelo menos uma discrep√Ęncia e, como √© f√°cil de presumir; as fotos de mulheres cont√™m tr√™s vezes mais imprecis√Ķes do que as de homens. Quase metade das fotos de mulheres (48,1%) s√£o consideradas por um observador externo como n√£o reais. Qual √© a maquiagem mais comumente usada? Envie uma foto antiga em que a pessoa pare√ßa mais jovem do que √© atualmente. As mulheres usam em m√©dia fotos com pelo menos 17 meses, enquanto os homens n√£o ultrapassam os seis meses. Provavelmente, o aspecto mais curioso de tudo isso √©; enquanto os homens percebem a discrep√Ęncia entre a imagem real e a da foto, quando ela √© apontada para eles, as mulheres parecem n√£o se dar conta das inconsist√™ncias √≥bvias. Os pesquisadores conclu√≠ram que as mulheres geralmente t√™m uma tend√™ncia a mentir para si mesmas na tentativa de se verem mais atraentes. Em suma, as mulheres agiriam inconscientemente, sem m√°s inten√ß√Ķes e inconscientemente. Voc√™ acredita nisso? Assim, observa-se que a maioria (n√£o todos), mente em algum aspecto com a inten√ß√£o (consciente ou n√£o) de ser mais desej√°vel e aumentar a possibilidade de encontrar um parceiro. Existem at√© alguns blogs que incluem um perfil totalmente inventado que se encaixa no conte√ļdo do site (esta informa√ß√£o n√£o √© respaldada por nenhum estudo, mas tenho certeza que muitos de voc√™s concordar√£o com minha considera√ß√£o). Ent√£o ... por que as pessoas mentem em alguns perfis, enquanto em outros s√£o verdadeiras? A resposta √© muito simples: as raz√Ķes s√£o diferentes. Geralmente, as pessoas come√ßam sua jornada na rede a partir de redes sociais como Facebook ou Twitter, contatando e compartilhando informa√ß√Ķes com seus amigos do mundo real, por isso n√£o √© poss√≠vel mentir ou idealizar tra√ßos personol√≥gicos diferentes da realidade, eles seriam imediatamente rejeitado. Essas redes t√™m como objetivo entrar em contato e compartilhar informa√ß√Ķes com pessoas que conhecemos na vida real, para encontrar velhos amigos perdidos ao longo do caminho e tamb√©m para fazer novos amigos. N√£o h√° raz√£o para mentir. Algo diferente acontece quando sabemos que grande parte das chances de sucesso depende do nosso perfil na rede. Ent√£o, alguns podem se sentir "estimulados" pelo desejo de "esconder" algumas das caracter√≠sticas personol√≥gicas que consideram negativas, ou podem mesmo ir t√£o longe a ponto de mentir deliberadamente sobre a forma√ß√£o profissional ou outros detalhes importantes. Isso geralmente acontece com alguns dos perfis que voc√™ encontra em sites de namoro online, sites de busca de empregos ou alguns blogs. Em suma, a rede √© t√£o variada e complexa quanto o mundo real justamente porque atr√°s de cada computador existe uma pessoa real e √ļnica, com seus desejos, expectativas e interesses.



    Adicione um coment√°rio a partir de Facebook, Twitter, Linkedin: os perfis nas redes sociais s√£o reais?
    Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.