close
    search Buscar

    O prego expulsa o prego no amor funciona? A resposta da psicologia

    Quem sou
    Louise Hay
    @louisehay
    FONTES CONSULTADAS:

    wikipedia.org

    Coment√°rios sobre o item:

    aviso de conte√ļdo

    Você está se perguntando o que o ditado unha crava o prego significa e de onde se origina? Quer saber se a técnica de perseguir os pregos realmente funciona para esquecer uma pessoa ou superar uma decepção no amor?

    Neste artigo, analisaremos juntos a hist√≥ria e o significado da chamada "unha crava um prego" e, em seguida, nos aprofundaremos nas implica√ß√Ķes psicol√≥gicas por tr√°s do conceito de prego expulsa prego apaixonado. Em poucas palavras, veremos quais s√£o as vantagens e desvantagens de usar uma pessoa para esquecer outra ...



    ... mas vamos na ordem, e vejamos por um momento de onde vem essa express√£o t√£o difundida no dia a dia!

    O prego conduz o prego: origem e significado

    O prego afasta o prego √© um ditado que quase certamente vem do jogo do Cindalismo, que era praticado na Gr√©cia Antiga. Nas competi√ß√Ķes de Cindalismo, um prego tinha que ser puxado do solo √ļmido, usando outro.

    Já os gregos antigos começaram a usar a expressão prego persegue prego como forma de dizer, utilizando-a em contextos outros que não o do jogo do Cindalismo, como por exemplo no político.

    Para ver o prov√©rbio que se refere ao amor pela primeira vez, √© necess√°rio, em vez disso, ler uma passagem das Disputa√ß√Ķes de Tusculanae, onde C√≠cero escreve: "etiam novo quidam amore veterem amorem tamquam clavo clavum eiciendum putant" (eles pensam que um antigo amor pode ser afugentado por um novo amor como um prego de outro).

    O ditado percorreu então os séculos, aparecendo nas Rimas de Guittone d'Arezzo, no Triunfo do Amor de Petrarca e até no Orlando Furioso de Ariosto.



    Quando uma pessoa hoje em dia usa a express√£o ‚Äúunha cravada‚ÄĚ, ela sempre e apenas se refere a situa√ß√Ķes de relacionamento e amor, enquanto outros contextos, como o pol√≠tico, perderam completamente a relev√Ęncia.

    O significado da expressão é, portanto, muito simples. O prego (uma nova pessoa, um novo relacionamento) deve ser capaz de "arrancar" outro prego, ou seja, fazer você esquecer o relacionamento anterior, ou em qualquer caso, ajudar a superar a obsessão por uma pessoa que você já havia se apaixonado. com ou se apaixonou por.

    O ditado "prego dirige um prego" enraizou-se tanto em nossa cultura e em nossa maneira de pensar que se tornou uma crença. Agora é quase uma norma considerar esta estratégia como a melhor de todos os tempos para parar de sofrer por amor.

    Mas a realidade é bem diferente ...

    Aqui estão 3 grandes verdades, que a técnica de perseguir unhas não leva em consideração:

    • Se algu√©m se separou ap√≥s um longo relacionamento, come√ßar um relacionamento superficial e improvisado n√£o o ajudar√° a realmente esquecer o ex-parceiro.
    • Se uma pessoa √© solteira e n√£o se sente bem consigo mesma, ela deve aprender a amar a si mesma antes de come√ßar um novo relacionamento.
    • Quando algu√©m se separa, a melhor maneira de sair n√£o √© come√ßando um novo relacionamento, mas usando essa oportunidade para se colocar no centro de suas prioridades e melhorar sua vida.

    Freq√ľentemente, as pessoas que usam o prego expulsa prego apaixonado fazem-no por falta de conhecimento, porque n√£o conhecem outros m√©todos para gerir a situa√ß√£o.



    Se você quer saber exatamente o que precisa fazer para superar a dor de terminar um relacionamento, leia meu artigo sobre como seguir em frente e começar a viver novamente.

    O prego expulsa o prego: psicologia

    Segundo a psicologia, relacionamentos saud√°veis ‚Äč‚Äče intensos (aqueles em que nos sentimos amados e apoiados) s√£o os melhores para o nosso bem-estar. 

    A filosofia de prego tira o prego vai exatamente na dire√ß√£o oposta, sugerindo que usemos um novo relacionamento como se fosse um "analg√©sico" para nos distrair temporariamente. 

    Usar o relacionamento interpessoal como forma de escapar do sofrimento e das responsabilidades n√£o √© algo que leva √† felicidade no longo prazo. 

    O m√©todo de prego expulsa prego apaixonado parece funcionar apenas porque inicialmente preenche um vazio e cobre o sofrimento. No entanto, com o tempo, a dor voltar√° ainda maior porque n√£o foi processada adequadamente. 

    Ent√£o, √† pergunta: o m√©todo do cravo do prego funciona? Minha resposta √© n√£o. 



    Vou te dar um exemplo:

    Se eu tiver uma forte dor de cabe√ßa, preciso descobrir o que a causa e adotar a solu√ß√£o certa. Usar um analg√©sico me d√° um al√≠vio tempor√°rio, mas n√£o remove as causas da minha dor de cabe√ßa, que continuar√° presente e doer√° assim que o analg√©sico fizer efeito. 

    O mesmo princ√≠pio se aplica aos relacionamentos. Se estou sofrendo porque um relacionamento acabou, namorar novas pessoas imediatamente sem ter processado a dor corretamente √© in√ļtil. Isso s√≥ pode me dar al√≠vio temporariamente mas n√£o vai melhorar minha situa√ß√£o. 

    Se minha ferida ainda estiver aberta, continuarei a sofrer até que a feche completamente.

    Estatisticamente, os homens demoram mais para superar o fim de um relacionamento, enquanto as mulheres experimentam um impacto emocional mais forte no curto prazo, mas também conseguem se recuperar mais cedo.

    Isso significa que o método de prego tira o prego é estatisticamente preferido pelos homens e, embora possa dar um alívio temporário, não permite que você melhore sua vida ou encontre uma solução definitiva para o sofrimento que pode estar passando.

    Por sermos seres sociais que precisam interagir com outras pessoas, cada vez que um relacionamento se torna importante para n√≥s √© normal que quando ele termine nos cause sofrimento. 

    Come√ßar um novo relacionamento apenas para satisfazer uma car√™ncia emocional e esquecer a dor o mais r√°pido poss√≠vel n√£o √© uma escolha acertada, tamb√©m porque nenhum relacionamento saud√°vel nasce para esquecer o anterior, mas √© baseado em suposi√ß√Ķes completamente diferentes.  

    A psicologia afirma que qualquer um dos nossos traumas que não consigamos processar adequadamente afetará todo o nosso futuro até que finalmente o resolvamos. Portanto, torna-se essencial compreender como processar a dor e cumprimentar da melhor forma o relacionamento que acaba de terminar.

    Por exemplo, se uma criança tem pais críticos que não a encorajam ou mostram pouco afeto por ela, é bem provável que ela desenvolva um problema de autoestima. Suponhamos que ao se tornar um adolescente você entre em uma relação de casal que é importante para ele, mas que termina inesperadamente e isso o leva a um sofrimento profundo.

    Sua dor tamb√©m trar√° de volta sua baixa autoestima e todos os traumas n√£o resolvidos de seu passado. Portanto, se ele decidisse aplicar a filosofia do cravo de pregos, receberia um al√≠vio moment√Ęneo, mas isso n√£o resolveria suas dificuldades.

    Se ele quer superar sua baixa autoestima, aquele cara não precisa começar um relacionamento improvisado, mas trabalhar diretamente na autoconfiança. Se ele deseja superar sua dor, ele precisa processá-la adequadamente, em vez de encontrar maneiras de esquecer a situação em que se encontra.

    Para superar algo, devemos enfrent√°-lo com as estrat√©gias certas e n√£o fugir ou buscar solu√ß√Ķes tempor√°rias.

    O prego expulsa o prego?

    Portanto, em √ļltima an√°lise, apesar da cren√ßa generalizada de que um novo relacionamento improvisado pode ajud√°-lo a deixar de amar e a recuperar a felicidade depois de uma decep√ß√£o amorosa, a realidade √© bem diferente. Usar a filosofia da unha persegue a unha no amor √© altamente arriscado e prejudicial porque: 

    • Impede que voc√™ processe a dor corretamente;
    • N√£o permite que voc√™ aprenda li√ß√Ķes importantes do relacionamento que acabou de terminar;
    • Isso o leva a explorar a nova pessoa apenas para preencher um vazio tempor√°rio;
    • Empurra-o a entrar num novo relacionamento de forma precipitada, movido por uma necessidade tempor√°ria, sem perder o tempo necess√°rio para escolher um parceiro verdadeiramente adequado para si;
    • Impede que voc√™ desenvolva um senso saud√°vel de independ√™ncia e o leva a acreditar que, para ser feliz, voc√™ sempre precisa de outra pessoa em sua vida;


    O m√©todo de prego expulsa prego apaixonado √© in√ļtil e √© fal√™ncia. Essa forma de abordar os relacionamentos s√≥ pode proporcionar um al√≠vio tempor√°rio e nunca duradouro. 

    O fim de um relacionamento, por mais difícil que seja, é um momento a percorrer e também representa uma grande oportunidade de mudar sua vida para melhor. Através do nosso manual, iremos guiá-lo passo a passo neste processo.

    Concluindo, podemos dizer que o fim de um relacionamento pode ser uma oportunidade para se mudar, se amar mais e melhorar sua vida.

    Para poder transformar esta dif√≠cil situa√ß√£o em vantagem, no entanto, devemos evitar aplicar a filosofia da unha perseguida, que como vimos traz um al√≠vio moment√Ęneo, mas n√£o melhora a situa√ß√£o de forma definitiva e duradoura.

    Adicione um coment√°rio a partir de O prego expulsa o prego no amor funciona? A resposta da psicologia
    Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.