Escolha melhor seus amigos graças a 5 dicas

Escolha melhor seus amigos graças a 5 dicas

Mesmo achando que a amizade é fruto do acaso, podemos colocar em prática algumas dicas que podem nos ajudar a escolher nossos amigos de forma mais consciente. Mas como fazer isso?

Escolha melhor seus amigos graças a 5 dicas

Última atualização: 19 de abril de 2022

A amizade √© uma das rela√ß√Ķes interpessoais mais importantes, mas tamb√©m √© uma das decep√ß√Ķes mais profundas que podemos experimentar. √Äs vezes, apenas reclamamos porque n√£o conseguimos encontrar amigos de verdade. Se nos reconhecermos nesta situa√ß√£o, talvez tenha chegado a hora de aprender a escolher melhor os amigos.



Atualmente, gra√ßas √†s novas tecnologias, fazer amigos √© muito mais f√°cil, ou pelo menos √© o que pensamos. Os resultados de uma pesquisa realizada pela revista Time revelam que muitas pessoas n√£o t√™m amigos pr√≥ximos. Talvez a raz√£o seja que n√£o sabemos como escolher melhor as amizades. Ent√£o vamos ver algumas dicas que podem ser √ļteis para n√≥s.

Dicas para escolher melhor os amigos

1. Fale sobre interesses comuns

Uma das primeiras dicas para escolher melhor nossos amigos √© falar sobre nossos interesses em comum. Embora possamos sentir simpatia pela outra pessoa no in√≠cio, √© aconselh√°vel ter uma conversa em que para poder entender se temos ou n√£o algumas paix√Ķes ou passatempos em comum.

Por que é necessário? Porque precisamos fazer planos com nossos amigos, conhecê-los ainda melhor e fortalecer nosso relacionamento. Na ausência de interesses comuns, como organizar um fim de semana ou umas férias curtas juntos? Isso seria impossível. Assim, falar sobre nossos interesses comuns pode nos ajudar a encontrar pessoas com quem compartilhar nosso tempo livre.

2. Entenda se eles só nos procuram quando precisam de nós

O segundo conselho para escolher melhor nossos amigos é observar. Para entender se eles estão perto de nós porque querem fazer planos e compartilhar seu tempo livre conosco ou se nos procuram apenas quando precisam. Esse aspecto é facilmente identificável: notamos que eles querem sair conosco quando têm interesse em obter algo.



Se esta situa√ß√£o continuasse ao longo do tempo, come√ßar√≠amos a sofrer. Nesse momento perceber√≠amos ser sempre quem se prop√Ķe a tomar um caf√© ou bater um papo. Al√©m disso, muitas vezes eles n√£o estar√£o dispon√≠veis quando precisamos conversar ou desabafar. Esses s√£o aspectos importantes a serem levados em considera√ß√£o.

O amigo deve ser como o sangue, fluindo em direção à ferida sem esperar que o chamem.

-Francisco de Quevedo-

3. Como eles tratam os outros?

Esse conselho é muito importante, além de necessário. Mesmo que uma pessoa nos trate bem, isso não significa que ela compartilhe nossos valores conosco ou que gostaríamos que ela fosse nossa amiga. Por esse motivo, é imperativo se concentrar em como você trata os outros, amigos ou até familiares.

Vamos imaginar que estamos sempre √† vontade com um amigo, compartilhando nossas opini√Ķes com ele, discutindo diferentes assuntos sem problemas... Mas um dia, com seu parceiro ou com um de seus pais, ele demonstra uma parte completamente oposta de sua personalidade. Prestar aten√ß√£o a esses aspectos nos permitir√° tirar nossas pr√≥prias conclus√Ķes e chegar a uma decis√£o.

4. Lidar com temas polêmicos ajuda você a escolher melhor os amigos

Falar de pol√≠tica, por exemplo, ajuda a entender se h√° afinidade com o interlocutor. Aborde os t√≥picos mais sens√≠veis permite que voc√™ veja a rea√ß√£o da outra pessoa. Podemos achar que √© imposs√≠vel lidar com certas quest√Ķes ou perceber uma atitude que indica que a opini√£o de algu√©m √© a √ļnica que importa.


Enfrentar quest√Ķes controversas tamb√©m nos ajudar√° a medir a toler√Ęncia de nossos amigos. Mesmo que n√£o sintamos o mesmo em rela√ß√£o a um determinado assunto, √© importante respeitar as opini√Ķes dos outros e ouvi-los, como esperamos que fa√ßam conosco.


Aqueles amigos que você tem e cuja amizade você testou, se agarram à sua alma com ganchos de aço.

-William Shakespeare-

5. N√£o fique obcecado em encontrar o amigo perfeito

O √ļltimo conselho √© n√£o ficar obcecado com a busca do amigo perfeito. Isso nos levaria a uma pesquisa cont√≠nua, com a sensa√ß√£o de n√£o ter nenhuma pessoa importante ao nosso lado, como sublinha o artigo As consequ√™ncias negativas da maximiza√ß√£o na sele√ß√£o de amizades. Temos que escolher melhor os amigos, mas n√£o temos que nos tornar pessoas inflex√≠veis para isso.


Nosso objetivo deve ser escolher as pessoas que nos ajudam a crescer. Ao mesmo tempo, é aconselhável rever ao longo do tempo os amigos que se conhecem há anos: eles ainda trazem algo para nossas vidas ou, pelo contrário, são elementos negativos?

Adicione um comentário do Escolha melhor seus amigos graças a 5 dicas
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.