Como lidar com a perda de um ente querido

Como lidar com a perda de um ente querido

Como lidar com a perda de um ente querido

Última atualização: 18 de janeiro de 2015

As pessoas experimentam dor em todas as √°reas de suas vidas, o sofrimento √© a resposta a uma doen√ßa terminal ou √† morte de algu√©m com quem muito se importam, seja uma pessoa ou um animal.. A dor compreende cinco est√°gios, que foram identificados pela primeira vez por Elsabeth Kubler-Ross em seu livro ‚ÄúOn Death and Dying‚ÄĚ e que ilustramos a seguir.



recusa

A fase de rejei√ß√£o ajuda a sobreviver √† perda, as not√≠cias perturbam e a vida n√£o faz mais sentido. Voc√™ entra em estado de choque e nega√ß√£o. Perguntas como ‚Äúcomo vou fazer agora?‚ÄĚ, ‚Äúserei capaz de seguir em frente?‚ÄĚ come√ßam a surgir, mas a nega√ß√£o e o choque permitem que voc√™ sobreviva, s√£o uma forma de lidar com as m√°s not√≠cias.

Quando você aceita a perda, surgem perguntas e, sem perceber, o processo de cura começa e a negação desaparece lentamente. Com o tempo, sentimentos que foram negados vêm à tona.

Ira

A raiva √© um passo necess√°rio no processo de cura, mesmo essa raiva pode parecer intermin√°vel. No entanto, quanto maior a raiva, mais cedo ela desaparecer√° e o processo de cura poder√° prosseguir. Outras emo√ß√Ķes surgem, mas a raiva √© o que nos acostumamos a mostrar e n√£o tem limites. Voc√™ sente raiva dos outros, de si mesmo, de seu ente querido ou at√© mesmo de Deus.

A dor se esconde atrás do sentimento de raiva e é normal se sentir abandonado. A raiva é a força temporária necessária para administrar a perda, uma maneira de se sentir melhor e uma prova da intensidade do amor..



Negociação

Diante da perda de um ente querido, pensamos na negocia√ß√£o, que pode ser uma tr√©gua moment√Ęnea, ou seja, queremos voltar √† vida anterior, queremos que o ente querido se sinta bem novamente..

Esta √© uma forma de voltar no tempo. Essa situa√ß√£o tamb√©m nos leva a nos sentirmos culpados pensando no que poder√≠amos ter feito e, em vez disso, n√£o fizemos. √Č uma forma de negociar com a dor. Estamos dispostos a fazer qualquer coisa para n√£o sentir a dor da perda. Vamos tentar negociar essa perda.

Depress√£o

Ap√≥s a negocia√ß√£o, todas as aten√ß√Ķes voltam para o presente, a sensa√ß√£o de vazio e a dor voltam ainda mais profundas. Voc√™ entra em uma fase de depress√£o que parece durar para sempre e, mesmo que n√£o seja um sintoma de doen√ßa mental, √© a resposta adequada √† perda de uma pessoa importante.


A morte de um ente querido é uma situação muito triste e a depressão é a resposta certa. Se a dor faz parte do processo de cura, então a depressão é um passo necessário a ser dado ao longo do caminho.

aceitação

A aceitação é muitas vezes confundida com a ideia de se sentir bem com o que aconteceu, na realidade trata-se de aceitar a realidade do desaparecimento físico do ente querido, reconhecendo que esta é a nova realidade que, infelizmente, não pode mudar, portanto você não pode deixar de aceitá-lo e aprender a viver com ele.


Quando voltamos a viver e aproveitar nossas vidas, sentimos que estamos traindo a pessoa amada que desapareceu. Este não é o caso, nunca será possível substituir aqueles que não estão mais lá, mas sempre seremos capazes de construir novos relacionamentos.

Imagem cortesia de Mario Inoportuno.

Adicione um coment√°rio do Como lidar com a perda de um ente querido
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.