Vitamina Liposolubili


generalidade

As vitaminas (nome que deriva de "aminas da vida") s√£o: um grupo heterog√™neo de subst√Ęncias org√Ęnicas, indispens√°veis ‚Äč‚Äčem pequenas quantidades para o crescimento e para uma correta regula√ß√£o das atividades vitais do organismo.


As vitaminas s√£o REGULADORES, participam de forma essencial no metabolismo e algumas constituem a estrutura chave das coenzimas. N√£o fornecem energia e atuam com fun√ß√Ķes espec√≠ficas em pequenas doses; geralmente, as necessidades humanas s√£o mensur√°veis ‚Äč‚Äčem quantidades entre microgramas (¬Ķg) e miligramas (mg).


Nem TODOS os alimentos contêm todas as vitaminas; alguns possuem poucos "vestígios" e em outros existem apenas "precursores" (que requerem a síntese metabólica do organismo).

A deficiência de vitaminas leva à avitaminose (falta total de uma ou mais vitaminas) ou hipovitaminose (falta parcial de uma ou mais vitaminas), enquanto o excesso às vezes causa hipervitaminose (estado tóxico devido a overdoses geralmente farmacológicas).


Classificação de solubilidade

As vitaminas podem ser identificadas por nomenclatura, por uma letra do alfabeto ou por referência a características químicas ou atividades biológicas. A classificação mais comum é aquela referente à solubilidade:


  • Vitaminas sol√ļveis em √°gua (sol√ļvel em √°gua): vitamina C (√°cido L-asc√≥rbico), vitamina B1 (tiamina), vitamina B2 (riboflavina), vitamina B5 (√°cido pantot√™nico), vitamina B6 (piridoxina), vitamina PP (niacina), vitamina B12 (cianocobalamina) , Vitamina Bc (√Ācido F√≥lico), Vitamina H (Biotina).
  • Vitamina lipossolubili (sol√ļvel em gordura): vitamina A, vitamina D, vitamina E, vitamina K, vitamina "F" ou √°cidos graxos essenciais (AGEs).

Quais s√£o eles

As vitaminas lipossol√ļveis s√£o A, D, E, K e "F". Vamos ver em detalhes.

Vitamina A (antixeroftalmica)

S s√£o vitaminas lipossol√ļveis do grupo A: vitamina A1 (retinol), vitamina A2 (3-desidroretinol) e provitaminas (őí-carotenos). Nos tecidos animais existem A1 e A2 (tamb√©m chamados retinol 1 e 2), enquanto nas plantas as pr√≥-vitaminas s√£o disseminadas e subsequentemente convertidas nos animais pelo f√≠gado. As fontes alimentares s√£o gema, f√≠gado, leite e derivados, manteiga, vegetais de cor amarela e laranja ou verde. As vitaminas lipossol√ļveis do tipo A s√£o respons√°veis ‚Äč‚Äčpela forma√ß√£o e manuten√ß√£o de epit√©lios, membranas mucosas, ossos e dentes, e participam do crescimento f√≠sico e imunol√≥gico; eles tamb√©m s√£o antioxidantes poderosos; eles s√£o absorvidos junto com os lip√≠dios e s√£o armazenados no f√≠gado. A defici√™ncia leva √† cegueira noturna, comprometimento da c√≥rnea (xeroftalmia), redu√ß√£o do crescimento, quebra do dente e predisposi√ß√£o a tumores. Excesso de causas: irritabilidade, n√°usea, v√īmito, retardo de crescimento, les√£o hep√°tica, calv√≠cie, malforma√ß√£o do feto e outros sintomas.


Vitamina D (anti-raquítica)

S√£o vitaminas lipossol√ļveis do grupo D: vitamina D2 (ergocalciferol) e vitamina D3 (colecalciferol). O ergocalciferol √© obtido a partir do ergosterol, uma mol√©cula de origem vegetal, enquanto o colecalciferol √© de origem animal. No n√≠vel end√≥geno, o precursor da s√≠ntese do colecalciferol √© o 7-desidrocolesterol, posteriormente transformado na pele por irradia√ß√£o de raios ultravioleta (UV). O colecalciferol √© encontrado no leite, gema, atum, salm√£o e √≥leo de f√≠gado de bacalhau. As vitaminas lipossol√ļveis do grupo D interv√™m na regula√ß√£o do f√≥sforo (P) e s√£o essenciais para a ossifica√ß√£o; a maior parte da por√ß√£o ingerida com os alimentos N√ÉO √© consumida (cerca de 70%) enquanto a fonte mais importante √© sempre a s√≠ntese end√≥gena na pele. A defici√™ncia de vitamina D em crian√ßas leva ao raquitismo, osteomal√°cia em adultos e possivelmente osteoporose em idosos. O excesso causa n√°useas, perda de peso, irritabilidade, retardo do crescimento, hipercalcemia (c√°lcio [Ca] no sangue), danos renais devido √† hipercalcemia e dep√≥sito de c√°lcio nos v√°rios tecidos. O antivitam√≠nico de D √© o √°cido F√ćTICO.


Vitamina E (anti-esterilidade)

S√£o vitaminas lipossol√ļveis do grupo E: őĪ-, ő≤-, ő≥-, őī- tocofer√≥is; derivam principalmente de √≥leos vegetais, g√©rmen de trigo, gr√£os inteiros, ovos, f√≠gado, legumes, frutas secas e vegetais de folhas verdes. Os tocofer√≥is s√£o antioxidantes poderosos, protegem as membranas celulares e, portanto, s√£o antitumorais. A vitamina E √© absorvida com os lip√≠dios no intestino delgado por cerca de 33% do total ingerido com os alimentos e √© depositada no f√≠gado. A defici√™ncia causa danos aos gl√≥bulos vermelhos, distrofia muscular e morte fetal em mulheres gr√°vidas, enquanto o excesso causa dor de cabe√ßa, n√°useas, fadiga e sangramento.


Vitamina K (antiemorr√°gica)

s√£o lipossol√ļveis do grupo K: k1 filoquinona, K2 farnoquinona e K3 menadiona; as fontes alimentares s√£o vegetais com folhas verdes, mas tamb√©m s√£o sintetizados pela flora bacteriana intestinal. √Č essencial para a coagula√ß√£o do sangue porque promove a s√≠ntese de fatores de coagula√ß√£o como a pr√≥-trombina; √© absorvido com as gorduras no intestino delgado e qualquer defici√™ncia (√†s vezes induzida por doen√ßas biliares ou hep√°ticas) causa hemorragia (s). O excesso, no rec√©m-nascido, se manifesta com icter√≠cia e anemia, enquanto no adulto causa trombose e v√īmito. O antivitam√≠nico de K √© CUMARIN.

Vitaminas F (√°cidos graxos essenciais - AGE)

S√£o lipossol√ļveis do grupo "F": √īmega6 (√°cido linol√©ico, √°cido ő≥-linol√™nico, √°cido diomo-ő≥-linol√™nico e √°cido araquid√īnico) e √īmega3 (√°cido őĪ-linol√™nico, √°cido eicosapentaen√≥ico e √°cido docosahexaen√≥ico). Eles tamb√©m podem ser considerados fatores semelhantes √†s vitaminas e s√£o encontrados predominantemente em √≥leos vegetais, frutas secas, g√©rmen de trigo, peixes do mar frio e peixes azuis. Os AGEs dificultam a deposi√ß√£o e oxida√ß√£o do colesterol nas art√©rias, promovendo a s√≠ntese de HDL e reduzindo o LDL, regulam a press√£o arterial, reduzem os triglicer√≠deos no sangue, s√£o constituintes essenciais da membrana, precursores dos fatores de coagula√ß√£o e moduladores do estado inflamat√≥rio. A absor√ß√£o dos AGEs segue a dos lip√≠dios no intestino; a defici√™ncia provoca ressecamento e descama√ß√£o da pele enquanto o excesso, por √īmega6, ainda √© assunto de discuss√Ķes e controv√©rsias.

A absor√ß√£o de vitaminas lipossol√ļveis √© sempre favorecida pela a√ß√£o dos sucos biliares; eles s√£o absorvidos junto com os outros lip√≠dios e, em longo prazo, dificuldades digestivas (falta de enzimas end√≥genas ou aus√™ncia da ves√≠cula biliar) ou absor√ß√£o (ver medicamentos ou suplementos diet√©ticos) podem causar sua defici√™ncia. Todos s√£o sens√≠veis ao calor, luz e oxig√™nio, exceto a vitamina D que resiste at√© 125 ¬į C; a ingest√£o de vitamina K √© significativamente reduzida por antibi√≥ticos.


NB. A vitamina K est√° quase ausente no rec√©m-nascido (pois n√£o tem flora intestinal), o que muitas vezes requer uma inje√ß√£o anti-hemorr√°gica, mas ATEN√á√ÉO! A dosagem excessiva pode causar efeitos colaterais (ver acima: Excesso de vitamina K em beb√™s).

√Āudio v√≠deo Vitamina Liposolubili
Adicione um coment√°rio do Vitamina Liposolubili
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.