Tabelas nutricionais: o que são, como interpretá-las

Tabelas nutricionais: o que são, como interpretá-las

Tabelas nutricionais: o que são e como lê-las 

As tabelas nutricionais contêm informações sobre o valor energético de um alimento e seus princípios nutricionais: proteínas, carboidratos, gorduras, Mas também fibra dietética, sódio, sais minerais e vitaminas. Podem ser mais ou menos detalhados, a critério do produtor e também do tipo de alimento; no entanto, há um decreto legislativo que regulamenta a rotulagem de alimentos e estabelece para quais produtos as tabelas nutricionais são opcionais, mas sim obrigatórias. 



 

O valor da energia é expresso por meio de duas unidades de medida de energia: kcal (chilocaloria) e kJ (chilo Joule) e geralmente se refere a uma quantidade igual a 100 gramas para alimentos sólidos e 100 mililitros para líquidos. Proteínas, gorduras, carboidratos, sódio e fibras são expressos em gramas e geralmente referem-se a uma quantidade igual a 100 gramas; as quantidades desses nutrientes também podem se referir à porção, em qualquer caso a quantidade a ser considerada consta das mesmas tabelas nutricionais. Vitaminas e sais minerais são expressos em microgramas ou miligramas, tanto como quantidades absolutas quanto em relação a Dose Diária Recomendada (RDA). 

Os valores apresentados nas tabelas nutricionais devem ser considerados como Valores médios e derivam de análise laboratorial realizadas pelo fabricante ou ainda pelo cálculo da média dos valores dos ingredientes contidos na receita do produto. 


Tabelas nutricionais: não vamos ignorá-las 

Com que frequência compramos alimentos embalados sem ler o rótulo? É um hábito errado porque levamos um produto para casa sem conhecer seus ingredientes, energia e conteúdo de nutrientes. As tabelas nutricionais devem ser sempre lidas, pois fornecem informações muito importantes sobre os alimentos que compramos. Mesmo a presença ou ausência de tabelas nutricionais, onde não é obrigatório, dá-nos informações importantes; se existe e é detalhado, a vontade de um determinado pode ser deduzida transparência do fabricante. 



Recompensar as empresas que entram nas tabelas nutricionais, especialmente quando compramos alimentos mais "críticos", por exemplo doces, batatas fritas, snacks diversos ... Faremos uma compra mais informada e, talvez, encorajaremos mais empresas a inserir tabelas nutricionais detalhadas nas embalagem de produtos alimentares.


 | Woodswalker urbano

Adicione um comentário do Tabelas nutricionais: o que são, como interpretá-las
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.

End of content

No more pages to load