Respiração holotrópica para o bem-estar

Respiração holotrópica para o bem-estar

Quem pratica a respiração holotrópica assegura que através desta técnica é possível alcançar uma espécie de auto-hipnose e acessar as áreas mais profundas do inconsciente. Quer saber em que consiste e quais os efeitos cientificamente comprovados?

Respiração holotrópica para o bem-estar

Última atualização: 01 2020 agosto

A respiração holotrópica é uma técnica de psicoterapia experiencial. Esta última é uma abordagem que envolve intervir em pessoas geralmente sãs, submetendo-as a uma experiência que as ajuda a compreender melhor quem são e que posição adotam em diferentes situações da vida real.



A psicoterapia experiencial tem suas raízes na chamada psicologia transpessoal que, por sua vez, é um ramo da psicologia humanista, surgida na década de 60. Quanto à respiração holotrópica, é uma técnica especialmente desenvolvida pelo psiquiatra tcheco Stanislav Grof.

O principal objetivo da respiração holotrópica é alcançar estágios inexplorados de consciência. Essa experiência é semelhante àquela que poderia ocorrer através do consumo de alguns psicotrópicos, como os usados ​​pelos xamãs ou alguns gurus espirituais. A diferença, neste caso, é que ela é alcançada pela respiração e tem uma finalidade terapêutica.

O que é respiração holotrópica?

A respiração holotrópica é uma técnica que consiste em hiperventilação controlada e visa criar um estado de consciência diferente e, em teoria, mais extenso. O objetivo é aumentar o autoconhecimento e oferecer efeitos psicoterapêuticos.

A palavra "holotrópico" vem da raiz grega holos, que significa "totalidade", e de trepein, que significa "ir em direção". Do ponto de vista etimológico, portanto, significa "avançar em direção à totalidade".

A hiperventilação é uma forma de respiração mais rápida e profunda do que o normal. Em uma respiração comum, o oxigênio é inalado e o dióxido de carbono ou CO2 é emitido. A respiração intensa e acelerada no caso de hiperventilação produz um aumento no volume de oxigênio e uma redução no dióxido de carbono. Em condições normais, isso causa doenças como ansiedade, dormência, desmaios, etc.



Na respiração holotrópica, a hiperventilação é induzida e regulada. Esta técnica só pode ser realizada em condições controladas e, geralmente, em grupos. Caso contrário, pode causar efeitos indesejados, como ataques de pânico. Este método não é recomendado para quem sofre de hipertensão, problemas respiratórios, neurológicos ou de saúde mental.

A técnica

Geralmente começa com um treinamento básico para explicar a técnica, descrever seus benefícios e indicar os passos a serem dados para colocá-la em prática. As sessões de respiração holotrópica são geralmente longas e não duram menos de quatro horas.

A sessão deve ocorrer em um local confortável e tranquilo. Começa quando "aquele que está se preparando para respirar" entra nesse espaço, quase sempre sem sapatos, e depois se deita em um colchonete. Nesse ponto, toca música relaxante, geralmente tibetana, chinesa ou hindu. A música nunca deve ser interrompida durante a sessão. Quando o participante estiver sentado, a respiração lenta começará.

Com os olhos fechados ou cobertos por uma máscara, inicia-se a fase de hiperventilação. Você tem que respirar rapidamente e sem parar durante as horas seguintes. Há sempre alguém dirigindo a sessão e às vezes os participantes se revezam no papel de "respiradores" ou "supervisores", um após o outro.

No final da sessão de respiração adequada, todos terão que colorir uma mandala ou, em todo caso, criar um desenho simbólico que reflita as emoções sentidas naquele momento. Eventualmente, haverá uma reunião de grupo para compartilhar experiências pessoais.

Os benefícios da respiração holotrópica

Após hiperventilação repetida durante um período de tempo, espera-se que a pessoa entre em um novo estado de consciência. O propósito é acessar as camadas mais profundas da psique e, consequentemente, a conteúdos inconscientes de particular valor para o participante.



Geralmente, episódios esquecidos ou reprimidos voltam à tona; pessoas, situações, emoções ou sentimentos. Tudo isso é considerado um conteúdo muito importante para cada pessoa. Em particular, eles ressurgem porque foram bloqueados e ressurgem graças à técnica da autoconsciência.


A ciência sustenta que a respiração holotrópica é uma técnica que pode oferecer benefícios, principalmente em termos de relaxamento e equilíbrio emocional. No entanto, não temos evidências científicas de uma alteração real da consciência que nos permita explorar plenamente o inconsciente. Aqueles que o praticam, por outro lado, garantem que é possível.

Adicione um comentário do Respiração holotrópica para o bem-estar
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.

End of content

No more pages to load