close
    search Buscar

    O que vou fazer quando crescer? 3 maneiras n√£o convencionais de descobrir

    Quem sou
    Joe Dispenza
    @joedispenza
    FONTES CONSULTADAS:

    wikipedia.org

    Coment√°rios sobre o item:

    aviso de conte√ļdo

    A pergunta fat√≠dica ‚Äúo que farei quando crescer?‚ÄĚ J√° apareceu em sua cabe√ßa. Quer voc√™ tenha acabado de sair do ensino m√©dio ou tenha 50 anos, nunca √© tarde para encontrar o seu caminho.

    “Não se sinta culpado se não sabe o que quer fazer da sua vida. As pessoas mais interessantes que conheço aos 22 não sabiam o que fazer da vida. Os mais interessantes de quarenta anos que conheço ainda não conhecem. "


    O Grande Kahuna.

    Quarta série. O professor chega à sala de aula e começa a escrever no quadro: "O que vou fazer quando crescer?" Então ele se dirige a nós e nos diz: “Bem crianças, hoje vocês vão desenvolver um tema com este título. Você tem duas horas! "


    Ah… que professor, maestro Gianni! Sempre atento ao nosso treinamento: pense que nessas duas horas, para respeitar a nossa concentração, ele leu a Gazzetta dello Sport sem nunca interromper!

    Um verdadeiro Educador! :-D

    Mestres vadios à parte, aposto que por acaso você tocou um tema semelhante e também aposto que teve o ideias mais claras na época do que você tem agora que tem 20, 30 ou 40 anos. Demitindo?

    Aos 10 é tudo tão simples: tem quem quer ser bombeiro, uns médico, outros atriz e claro que tem sempre a criança que quer ser astronauta!

    Ent√£o crescemos e tudo se complica: qual ensino m√©dio frequentar? Que Faculdade escolher? Este trabalho Fazer? Em qu√™ pa√≠s viver?

    Al√©m do mais, a empresa n√£o faz nada al√©m de nos pressionar: "voc√™ tem que imitar o garoto que se tornou bilion√°rio gra√ßas a um aplicativo!", "Voc√™ deve ter uma conta no Instagram com 10 zilh√Ķes de seguidores", "voc√™ deve encontrar o seu caminho ! "," Voc√™ deve ter sucesso! ".


    E assim, uma pergunta que como as crianças nos faziam sonhar, agora nos deixa acordados à noite: “O que vou fazer quando crescer ?! O que vou fazer quando crescer ?! O que vou fazer quando crescer ?! "


    Ao longo dos anos, tentei fornecer ferramentas práticas para encontrar o seu propósito, Sua estrada e finalmente entender o que fazer da sua vida.

    Mas talvez voc√™ fa√ßa parte desse grupo especial de pessoas que precisam de uma abordagem n√£o convencional. Neste artigo quero apresentar-lhe 3 (olhe para o √ļltimo: pode ser a resposta que procura h√° anos).

    1. O método do "prato de merda"

    "As dificuldades fortalecem a mente, assim como o trabalho fortalece o corpo."

    Sêneca.

    Em primeiro lugar, perdoe o "francesismo" deste método, mas prometo que é para um bom propósito :-)

    Que prato você mais odeia, aquela receita ou comida que nunca deveria ser apresentada a você à mesa? Quer dizer, pense em algo que realmente te chateia!

    Você entendeu? Perfeito.

    Agora imagine que você pode ser quem você quiser: uma atriz famosa, o CEO de uma das maiores multinacionais, um cientista ganhador do Nobel, um empresário do Vale do Silício, um neurocirurgião de renome internacional. Qualquer um.

    Existe apenas uma condição.

    Se você quiser ser essa pessoa, terá que comer o prato que tanto odeia no almoço e no jantar - todos os dias, pelo resto da vida.


    Você aceita?

    Se a resposta for "sim", ou seja, voc√™ sabe que todo sonho exige uma dose di√°ria de merda para engolir, n√£o adianta te importunar com mil d√ļvidas: voc√™ encontrou seu caminho, siga-o at√© o fim.

    Talvez pegue o caminho definindo uma meta digno desse nome.

    Se, em vez disso, a resposta for "Não", isto é, você gostaria de ser muitas coisas, mas por nada faria tais sacrifícios drásticos ... então devemos ver juntos a abordagem não convencional # 2.


    2. A estratégia "infantil"

    Talvez ainda seja muito cedo para identificar seu prop√≥sito na vida, seu caminho principal. No entanto, a estrat√©gia ‚Äúinfantil‚ÄĚ pode ajud√°-lo a n√£o mentir que voc√™ poder√° se arrepender amargamente daqui a 10-20 anos.

    Pense na sua vida hoje: a universidade que est√° frequentando, o trabalho que est√° fazendo, os relacionamentos nos quais est√° envolvido, a cidade em que vive.

    Agora imagine que você pode voltar a ser um criança despreocupada de 8 a 10 anos.

    Você acha que aquela criança gostaria da sua vida? Existe algo que o desapontaria profundamente? Sim?! Sobre o que é isso?

    √Äs vezes, para encontrar nosso caminho e entender quem queremos ser "quando crescermos", primeiro precisamos Deixar ir o que em nossa vida nem deveria ter entrado.

    N√£o sei o que √©, afinal √© da sua vida que estamos falando, mas se essas √ļltimas palavras tocaram um acorde profundo, bem ... n√£o finja que nada aconteceu: hora de tomar uma decis√£o. Voc√™ n√£o quer decepcionar o seu "garotinho"? :-)


    Se, ao contrário, nenhuma das duas técnicas que acabamos de ver o inspirou particularmente, há uma terceira possibilidade ...

    3. "O que farei quando crescer?" a resposta multipotencial ...

    E se a sua rua simplesmente n√£o existir?

    Entender quem queremos ser e o que queremos fazer quando crescermos pode representar um momento decisivo em nossa vida. Na verdade, muitas pessoas se rendem ao cotidiano e decidem deixar seus sonhos amolecer em alguma gaveta esquecida.

    No entanto, existe outra possibilidade.

    Se voc√™ ainda n√£o encontrou seu prop√≥sito, √© porque voc√™ √© simplesmente um ... multipotenzial.

    Leonardo da Vinci, Isaac Newton, Benjamin Franklin, Arquimedes: todos s√£o exemplos de personalidades multipotenciais, ou personagens dotados de uma curiosidade intelectual fora da norma e que souberam se destacar em diversos campos, sem necessariamente se especializar em apenas um.


    Aqui, sim Andre '! Eu sou um multipotencial! Sempre pensei isso! Eu sei legal né ?!

    Enquanto preparava este artigo, postei no P√°gina GetPersonalGrowth do Facebook uma palestra TED de Emilie Wapnick que fala sobre multipotencialidade (voc√™ pode encontr√°-la no final do post).

    O vídeo foi visto por mais de 100.000 pessoas e gerou dezenas de comentários entre os leitores do GetPersonalGrowth. Eu li vários e alguns me fizeram sorrir :-)

    Se você coça a pele o dia todo e nunca termina nada, sempre iniciando novas atividades e abandonando-as assim que se depara com os primeiros obstáculos, você não é um multipotencial: você é um cazzaro.

    Um verdadeiro multipotenzial n√£o tem um √ļnico prop√≥sito na vida, mas quando se dedica a uma atividade, seja um novo emprego ou uma nova paix√£o pessoal, o faz com tudo de si, enfrentando in√ļmeros sacrif√≠cios.

    S√≥ quando atinge a excel√™ncia passa para o pr√≥ximo projeto, trazendo consigo toda a experi√™ncia adquirida nos demais setores e criando uma s√≠ntese de conhecimentos que o torna √ļnico.

    Se o método do "prato de merda" e a estratégia da "criança" ajudarem de alguma forma a responder à fatídica pergunta "O que farei quando crescer?", Ficarei muito feliz.

    Se, por outro lado, você finalmente percebeu que é um multipotenzial, bem, não desperdice todo esse potencial! Busque a excelência em cada empreendimento que você decidir embarcar e nunca deixe um obstáculo decidir o que você pode ou não ser em sua vida.

    Adicione um coment√°rio a partir de O que vou fazer quando crescer? 3 maneiras n√£o convencionais de descobrir
    Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.