O que é catarse emocional?

O que é catarse emocional?

A catarse √© uma libera√ß√£o emocional que nos ajuda a nos livrar dos conflitos inconscientes. Na verdade, o termo vem da palavra grega "katharsis", que significa "purifica√ß√£o" ou "limpeza". Em psicologia, a catarse envolve uma esp√©cie de purga√ß√£o emocional para que possamos restaurar nosso equil√≠brio psicol√≥gico. √Č um processo intenso e √≠ntimo, muitas vezes libertador, porque atrav√©s dele n√£o apenas expressamos conte√ļdos que reprimimos, mas damos um novo significado, incorporamos em nossa hist√≥ria de vida e conseguimos virar a p√°gina.



O que é catarse emocional de acordo com a psicanálise?

O termo catarse remonta √† Gr√©cia Antiga, embora tenha ganhado destaque na psicologia gra√ßas a Sigmund Freud e Joseph Breuer. Este √ļltimo desenvolveu um tratamento psicol√≥gico que chamou de cat√°rtico para lidar com a histeria. A terapia consistia em fazer com que os pacientes se lembrassem de experi√™ncias traum√°ticas durante a hipnose. Breuer descobriu que, quando as pessoas expressavam as emo√ß√Ķes que reprimiram por tanto tempo, sentiam al√≠vio de seus sintomas.

Freud também acreditava que a catarse emocional poderia desempenhar um papel importante no alívio dos sintomas relacionados à ansiedade. De acordo com sua teoria psicanalítica, a mente humana é composta por três elementos-chave: o consciente, o subconsciente e o inconsciente. Tudo o que sabemos é encontrado na mente consciente. O subconsciente contém coisas das quais não temos plena consciência, mas que podemos trazer à consciência se dermos a atenção necessária. Finalmente, existe a parte inconsciente da mente que contém o imenso arquivo de pensamentos, sentimentos e memórias que estão fora de nossa consciência, geralmente com uma enorme carga emocional.

Freud acreditava que muitos conflitos e traumas est√£o ocultos no inconsciente, onde continuam a exercer sua influ√™ncia sobre nossas decis√Ķes, comportamento e bem-estar. Por isso, ele recorreu a t√©cnicas psicol√≥gicas como interpreta√ß√£o de sonhos e associa√ß√£o livre para acessar esse conte√ļdo. Ele definiu a catarse como "o processo pelo qual reduzimos ou eliminamos um conflito, ativando-o na consci√™ncia e permitindo que ele se expresse".



Nessa perspectiva, a catarse consistiria em redimir coisas que estão nos prejudicando, mas operando abaixo do limiar da consciência. De fato, na psicanálise atual a catarse é considerada como a liberação dos efeitos vinculados aos eventos traumáticos que foram reprimidos, trazendo-os de volta à consciência para revivê-los e eliminar sua influência negativa ou limitante.

Isso significa que, embora a catarse contenha um poderoso componente emocional, ela também possui um forte componente cognitivo que nos permite adquirir novos conhecimentos ou perspectivas assumindo e deixando para trás feridas emocionais.

Portanto, catarse emocional:

- Isso nos faz sentir melhor ao liberar emo√ß√Ķes negativas e,

- Leva a uma mudan√ßa positiva em nosso ‚Äúeu‚ÄĚ ao permitir que integremos esses conte√ļdos reprimidos.

Por que √© importante expressar emo√ß√Ķes?

A sociedade freq√ľentemente desempenha um papel repressivo nas emo√ß√Ķes. Ele considera errado que expressemos emo√ß√Ķes ‚Äúnegativas‚ÄĚ, desta forma incentiva a sua repress√£o, o que nos leva a enterr√°-las nas profundezas do inconsciente.

No entanto, a express√£o emocional faz parte de um 'eu' maduro e equilibrado. Cada emo√ß√£o que experimentamos e expressamos faz parte da nossa ess√™ncia. Gra√ßas a eles podemos nos conhecer melhor. As emo√ß√Ķes agem como b√ļssolas indicando simpatia ou rejei√ß√£o imediatamente, por isso nunca devem ser reprimidas, voc√™ s√≥ precisa aprender a express√°-las de forma assertiva.

Uma emo√ß√£o reprimida acabar√° gerando um conflito que entrar√° no inconsciente, simplesmente porque n√£o processamos a mensagem daquela emo√ß√£o e n√£o a utilizamos de forma adaptativa. Pelo contr√°rio, aceitar e assimilar emo√ß√Ķes, especialmente as "negativas", nos permitir√° compreend√™-las e utiliz√°-las a nosso favor para crescer.


A catarse é sempre benéfica?

Ao se tornar parte do vocabul√°rio popular, a catarse foi banalizada. Muitos pensam, por exemplo, que fazer catarse para liberar a raiva significa dar um soco no travesseiro ou se fechar em uma sala aos gritos. Esse tipo de recurso expressivo tem se mostrado contraproducente e ineficaz no longo prazo.


Um estudo muito interessante conduzido na Iowa State University investigou qual era a melhor estratégia para descarregar a raiva. Esses psicólogos pediram a um grupo de pessoas raivosas que batessem em um saco de pancadas pensando na pessoa que os deixava com raiva, enquanto outros pediam que pensassem que estavam apenas entrando em forma. Um terceiro grupo estava sentado em uma sala sem fazer nada.

Mais tarde, todos tiveram a oportunidade de submeter a pessoa que os irritou a um barulho alto. Descobriu-se que as pessoas que haviam socado o saco pensando em quem os irritara não apenas ainda estavam muito zangadas, mas também se comportaram de forma mais agressiva. Pelo contrário, quem mais se acalmou foram os que se sentaram em silêncio.

A ventila√ß√£o f√≠sica das emo√ß√Ķes pode ajudar e ter um pequeno efeito cat√°rtico, mas √© necess√°rio dar um passo adiante. Se a simples catarse f√≠sica fosse uma pr√°tica construtiva, o trabalho dos psic√≥logos seria muito mais simples. Para sanar e resolver conflitos n√£o basta agir e experimentar, √© preciso trabalhar conceitualmente com a imagem do ‚Äúeu‚ÄĚ.

Isso significa que para alcan√ßar a mudan√ßa positiva buscada com a catarse √© necess√°rio refletir sobre essas emo√ß√Ķes, para que possamos integr√°-las na concep√ß√£o que temos de n√≥s mesmos.


Lembre-se tamb√©m de que a √ļnica emo√ß√£o transmitida com a catarse n√£o √© a raiva. A tristeza que sentimos pela perda de um ente querido, quando reprimida, continua a doer. Por outro lado, quando √© expresso, supera mais rapidamente. O choro tem se mostrado quase sempre cat√°rtico. Na verdade, a catarse em psicologia √© usada principalmente para aliviar a dor e o sofrimento associados ao trauma.

Um estudo conduzido na Universidade de Illinois descobriu que a catarse causa mudan√ßas fisiol√≥gicas que podem nos ajudar a recuperar o equil√≠brio emocional mais rapidamente. Esses psic√≥logos viram que as emo√ß√Ķes ventiladas geram uma diminui√ß√£o na press√£o arterial e alteram o ritmo da respira√ß√£o, e isso pode nos ajudar a nos acalmar. Na verdade, quando estamos com raiva, respiramos em uma velocidade diferente de quando estamos calmos ou tristes. Cada emo√ß√£o tem seu pr√≥prio ritmo respirat√≥rio, portanto, quando nosso estado mental muda, nossa respira√ß√£o muda imediatamente. Portanto, ao regular nossa respira√ß√£o, tamb√©m podemos controlar as emo√ß√Ķes.


Como fazer a catarse para gerar uma mudança positiva duradoura?

  1. Conecte-se com seus sentimentos. Em primeiro lugar, √© vital que voc√™ aceite todas as suas emo√ß√Ķes e sentimentos. Voc√™ deve evitar a ideia de que existem emo√ß√Ķes "negativas" que voc√™ n√£o deveria sentir. Todas as emo√ß√Ķes t√™m valor e n√£o fazem de voc√™ uma pessoa pior ou melhor. N√£o √© o que voc√™ sente, mas como voc√™ canaliza. Portanto, n√£o tente suprimir ou lutar contra essas emo√ß√Ķes. Conecte-se com eles para que voc√™ possa ouvir a mensagem que eles deveriam transmitir a voc√™. √Äs vezes, por tr√°s da raiva, h√° tristeza ou um sentimento de impot√™ncia. Mas voc√™ n√£o pode resolver o conflito se se desconectar de suas emo√ß√Ķes.
  1. Encontre a maneira que funciona melhor para você fazer a catarse. O que pode ser catártico para alguns não é para outros. Portanto, você precisa encontrar a estratégia de expressão emocional que funciona melhor para você. Bater no travesseiro nem sempre é necessário ou aconselhável; até mesmo manter um diário terapêutico pode ser uma forma de exorcizar seus problemas. A arte também é uma excelente ferramenta catártica.
  1. N√£o se esque√ßa do elemento cognitivo. A catarse consiste em dois aspectos: a libera√ß√£o emocional que geralmente possui um forte componente som√°tico e o elemento cognitivo, que implica reflex√£o sobre o ocorrido. Se voc√™ se limitar √† libera√ß√£o emocional, estar√° na metade do caminho. Voc√™ precisa refletir sobre a origem dessas emo√ß√Ķes que o incomodam e, acima de tudo, encontrar uma forma de express√°-las de forma assertiva, sem se machucar e sem machucar os outros.

Por √ļltimo, mas n√£o menos importante, n√£o force seu ritmo de cura. √Äs vezes, alguns conte√ļdos est√£o escondidos no inconsciente porque n√£o temos as ferramentas psicol√≥gicas necess√°rias para lidar com eles e, traz√™-los √† consci√™ncia, seria extremamente doloroso. Considere a catarse como um processo terap√™utico de autocura e autoaceita√ß√£o, no qual voc√™ dar√° passos de beb√™ todos os dias.

 

Adicione um comentário do O que é catarse emocional?
Comentário enviado com sucesso! Vamos analisá-lo nas próximas horas.